domingo, 3 de agosto de 2014

ANTES QUE EU QUEIME – GAUTE HEIVOLL

Simplesmente amo entrar nas livrarias e ficar olhando livros e as novidades que chegaram. Mas antes de olhar as novidades e os livros que estão bombando em vendas, eu sempre estou a caça daquilo que esta escondido: livros fantásticos poucos conhecidos de autores pouco falados e es que consegui!
Antes que eu queime estava escondido entre alguns livros da prateleira e o seu título me chamou bastante a atenção. Ao ler a sinopse, fiquei muito curioso sobre o autor. Gaute Heivoll já escreveu vários livros de onde vive, na Noruega e Antes que eu queime foi premiado como o livro mais importante da Noruega. Quanta responsabilidade! E mais, esse livro é o primeiro dele aqui no Brasil. Se não me falha a memória Antes que eu queime agora está sendo traduzido para mais de 40 linguás. Fantástico!

SINOPSE:

Numa pequena localidade à mercê de um incendiário, as chamas não são a única coisa a despertar o medo. Quando todos vivem próximos uns dos outros, existe também o grande temor de descobrir que o criminoso seja um conhecido, um vizinho, um amigo. É nessa atmosfera de tensão que se desenrola a história narrada em Antes que eu queime: o cotidiano de Finsland, perturbado por uma série de incêndios criminosos, mistura-se à vida do autor e ao noticiário policial da Noruega no final dos anos 70.
Um menino nascido na época dos incêndios, que um dia ouve da professora que tem um talento especial para a escrita, anos mais tarde resolve se tornar escritor para narrar a vida do pacato vilarejo que ardeu em meio às chamas. Em um estilo sóbrio e contido, Gaute Heivoll revisita a trágica história do povoado onde nasceu em uma ficção vigorosa em que o próprio ato de escrever ocupa o primeiro plano. Com este ponto de partida inusitado, o autor aborda magistralmente a fragilidade da vida e o papel da palavra, numa obra que foi aclamada e premiada em toda a Europa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário