sábado, 19 de julho de 2014

O DOADOR – LOIS LOWRY

Quem não se lembra desse livro de Lois Lowry, não é verdade? A história de uma sociedade perfeita sem pobreza, sem injustiças, sem crimes e doenças. Porém Só um individuo é responsável pelas memórias do passado: as guerras e os conflitos da sociedade.

SINOPSE:

Jonas vive num mundo onde não há pobreza, crime, doença, fome, divórcio, medo nem dor. Todos têm família, saúde, emprego, educação e lazer. As pessoas são treinadas para manter seus sentimentos sob controle. As regras de conduta são invioláveis, os desejos, reprimidos, e o amor é uma palavra que não existe no vocabulário. A ordem e a paz reinam absolutas. Mas esse universo cuidadosamente construído começa a desmoronar quando Jonas completa 12 anos. Na Cerimônia anual em que todas as crianças dessa idade recebem dos governantes sua Atribuição – a carreira que deverão seguir para o resto da vida –, o menino vê sua amiga Fiona ser nomeada Curadora de Idosos e seu alegre companheiro Asher ser incumbido da função de Diretor-Assistente de Recreação. Ele, porém, é escolhido para desempenhar um papel especial: o de Recebedor de Memórias. Isso signi­ca que será o único a guardar lembranças do passado e a ter conhecimento de sensações, experiências e sentimentos humanos que foram banidos daquele mundo. Para cumprir sua missão, Jonas é colocado sob a tutela de um sábio ancião, o Doador, que deverá lhe transmitir as lembranças. À medida que seu treinamento progride, ele começa a desvendar os segredos sombrios que se escondem sob aquela frágil perfeição. Aos poucos, ele passa a questionar o alto preço que sua sociedade paga para eliminar o sofrimento. Até que ponto evitar a dor pode nos tornar mais felizes? Vale a pena abrir mão das emoções para permanecer no caminho certo? Não são os sonhos, os desejos e as angústias que dão sentido à vida? Não conseguindo mais se adaptar àquela falsa realidade, Jonas terá outra cruel tarefa pela frente: escolher entre a própria vida e a salvação do seu povo. Envolvente e cheio de suspense, O doador de memórias tem o poder de suscitar nos leitores os mesmos sentimentos conflitantes e angustiantes do jovem herói, fazendo-os pensar no que seria uma sociedade perfeita.

  
Porém essa não é a novidade do dia, e sim, o livro ganhou uma segunda edição, passando a se chamar “O Doador de Mémorias” e não bastando, ganhou adaptação para o cinema! O filme tem a direção de Phillip Noyce e roteiro de Vadim Perelman.
O filme conta com os atores Brenton Thwaites (Jonas, personagem principal), Jeff Bridges (O Velho Doador), Meryl Streep (que será a líder sênior da nova sociedade), Katie Holmes (mãe de Jonas), Alexander Skarsgard, Odeya Rush e Taylor Swift.
O filme será lançado em agosto nos cinemas americanos. Aqui no Brasil, infelizmente, ainda não tem previsão para lançamento. Ficamos no aguardo, fazer o que?

TRAILER


A BONECA DE OSSOS – HOLLY BLACK

Oras, quem nunca brincou de “faz de conta” ou imaginou que está em um mundo completamente diferente na qual real está? Quem nunca brincou disso sinto dizer mas... Você não teve infância!
Para aqueles que já brincou disso – ou para os que nunca brincaram – o livro de Holly Black, a mesma autora da série Spiderwick, trás todo esse mundo atona, mas com um pouquinho mais de fantasia e realidade, claro. O que é um livro sem uma boa aventura, não é verdade?

SINOPSE:


Poppy, Zach e Alice sempre foram amigos. E desde que se conhecem por gente eles brincam de faz de conta – uma fantasia que se passa num mundo onde existem piratas e ladrões, sereias e guerreiros. Reinando soberana sobre todos esses personagens malucos está a Grande Rainha, uma boneca chinesa feita de ossos que mora em uma cristaleira. Ela costuma jogar uma terrível maldição sobre as pessoas que a contrariam. Só que os três amigos já estão grandinhos, e agora o pai de Zach quer que ele largue o faz de conta e se interesse mais pelo basquete. Como o seu pai o deixa sem escolha, Zach abandona de vez a brincadeira, mas não conta o verdadeiro motivo para as meninas. Parece que a amizade deles acabou mesmo... Mas, de repente, Poppy conta para os amigos que começou a ter sonhos com a Rainha – e também com o fantasma de uma menininha que não conseguirá descansar enquanto a boneca de ossos não for enterrada no seu túmulo vazio. Então, Poppy, Zach e Alice partem para uma última aventura a fim de ajudar o fantasma da Rainha a encontrar o seu descanso eterno. Mas nada acontece do jeito que eles planejaram... A missão se transforma em uma jornada de arrepiar. Será que a boneca é apenas uma boneca ou existe algo mais sinistro por trás desses fatos? Poppy está mesmo dizendo a verdade ou tudo isso não passa de um truque para que voltem a brincar juntos? Se existe mesmo um fantasma, o que vai ser das crianças agora que elas estão nas suas mãos?

A IRMÃ DE FREUD – GOCE SMILEVSK

Se tem uma coisa que me chama a atenção num livro, primeiramente, é a capa e esse livro do autor Goce Smilevsk me chamou bastante a atenção. O título também me deixou bastante curioso.
Nunca tinha ouvido sobre esse autour, então dei uma rápida pesquisada sobre ele. Ele tem um belo “curriculo”. Goce Smilevski nasceu em 1975, em Skopje, Macedónia. Ele foi educado na Universidade Charles, em Praga, Central European University, em Budapeste, e Ss. Cirilo Methodius University de Skopje. Ele é autor de vários romances e peças de teatro. Seu romance A irmã de Freud ganhou o Prémio da União Europeia para a Literatura e está sendo publicado em mais de trinta idiomas.

Já sabemos que o cara não é fraco!

SINOPSE:

Teria Sigmund Freud sido responsável pela morte de sua irmã em um campo de concentração nazista? Vencedor do Prêmio da União Europeia para a Literatura, A irmã de Freud, quando lançado, chocou os leitores, que se perguntavam se a história criada por Goce Smilevski seria verdade. Apesar de ser ficção, a premissa da obra é verdadeira: Freud fugiu da Áustria em plena ascensão nazista deixando quatro irmãs para trás. Todas morreram em campos de concentração.
Na Viena ocupada pelos nazistas, Sigmund Freud recebeu o direito de fugir para o exterior levando consigo alguns entes queridos. Na lista do fundador da psicanálise, entram a mulher, os filhos, a cunhada, duas assistentes, o médico pessoal com sua família e até o cachorro, mas não quatro irmãs idosas: Marie, Rosa, Pauline e Adolfine. É a voz desta última, deportada para o campo de concentração de Terezín, que relembra com dolorosa mágoa o episódio.
Smilevski narra, com maestria, a trajetória da família do famoso Freud, com destaque, obviamente à narradora. Por meio de Adolfine, o leitor descobre a intimidade do famoso psiquiatra, suas fraquezas e como ele se relacionava com os parentes. Além disso, mostra a vida miserável que ela própria teve. Há também um intenso debate de teorias psicanalíticas, mostrando como elas não eram seguidas pelo próprio criador.

Um dos principais temas tratados na obra é a loucura, que culmina com uma inteligente discussão entre os dois protagonistas a respeito da felicidade e do sentido da vida.

SEIS ANOS DEPOIS – HARLAN COBEN

Depois de muito tempo sem postar nada, criei vergonha na cara e voltei a ler alguns conteúdos na internet... Estava muito desorientado. A primeira coisa que vi é próximo lançamento de Harlan Coben! Não preciso nem falar muito sobre ele, não é verdade? Sabemos que ele é um autor fantástico!

"Uma vida Contrariada Sobre Mentiras. Uma verdade capaz de matar"

SINOPSE:

Jake Fisher e Natalie Avery se conheceram no verão. Eles estavam em retiros diferentes, porém próximos um do outro. O dele era para escritores; o dela, para artistas. Eles se apaixonaram e, juntos, viveram os melhores meses de suas vidas. E foi por isso que Jake não entendeu quando Natalie decidiu romper com ele e se casar com Todd, um ex-namorado. No dia do casamento, ela pediu a Jake que os deixasse em paz e nunca mais voltasse a procurá-la. Jake tentou esconder seu coração partido dedicando-se integralmente à carreira de professor universitário e assim manteve sua promessa... durante seis anos. Ao ver o obituário de Todd, Jake não resiste e resolve se reaproximar de Natalie. No enterro, em vez de sua amada, encontra uma viúva diferente e logo descobre que o casamento de Natalie e Todd não passou de uma farsa. Agora ele está decidido a ir atrás dela, esteja onde estiver, mas não imagina os perigos que envolvem procurar uma pessoa que não quer ser encontrada. Em Seis anos depois Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde.